Últimas Notícias

Paraná apresenta inovações no combate à corrupção ao embaixador da Dinamarca
23/09/2021 - 09:52

O controlador-geral do Estado, Raul Siqueira, apresentou as ações do Paraná no combate à corrupção ao embaixador da Dinamarca, Nicolai Prytz, que levantou a possibilidade de parcerias. A reunião aconteceu nesta quarta-feira (22), em Brasília.

A Dinamarca é considerada o país com o menor índice de corrupção e se tornou referência para a administração pública íntegra e ética. Está em primeiro lugar no ranking da organização da sociedade civil Transparência Internacional, no índice de percepção da corrupção.

“O Paraná tem assumido o protagonismo no uso de novas tecnologias e de boas práticas para evitar mau uso de recursos públicos”, disse o Prytz.

“O embaixador avalia que o Paraná é o estado mais próximo da cultura do povo dinamarquês. Ele percebe o governador Carlos Massa Ratinho Junior como muito sério e ético, e vê o Paraná com potencial grande para ser parceiro do governo dimanarquês”, destacou Siqueira.

Prytz disse querer conhecer em detalhes o Programa de Integridade e Compliance implantado no Paraná e que deve vir ao Estado até o fim do ano. Esse programa, adotado em versões semelhantes por vários países, é uma das ferramentas que a administração pública dispõe para melhorar a integridade do serviço público.

Algumas práticas adotadas foram elaboradas durante visita da CGE àquele país, ainda em 2019. “Também falamos sobre os projetos da CGE, como o Harpia, que trará mais segurança a contratações com aplicação de tecnologia, e Fazendo a coisa certa, direcionado a alunos da rede pública de ensino”, completou Siqueira.

O controlador-geral do Estado foi acompanhado por Rubens Bueno II, chefe do Escritório de Representação do Paraná em Brasília.

QUALIDADE DE VIDA – A Controladoria-Geral do Estado (CGE) lançou um desafio para os seus servidores: percorrer 10.734 quilômetros, equivalentes à distância entre Curitiba e Copenhague, capital daquele país. Os servidores são convidados a registrar seus exercícios em um aplicativo para, juntos, cumprirem o propósito da atividade.

O projeto “GCE nos passos da Dinamarca” foi apresentado a Prytz que prometeu ao controlador-geral paranaense aderir ao grupo. “Ele faz pedaladas diárias de 10 quilômetros e vai nos auxiliar a cumprirmos o nosso objetivo. Prytz agradeceu a deferência que a CGE e o Paraná fazem ao povo dinamarquês”, relatou Siqueira.

GALERIA DE IMAGENS